[Como jogar?]

[Veja um exemplo!]

[Formulário do Aluno]

[Guia do Professor]

[Download 1]

[Download 2]
[Versão em Inglês] [Versão em Espanhol] [Versão em Francês]

Alterar a posição do sólido abaixo nos fornece diferentes visualizações de sua forma. Três destas visualizações geram letras do alfabeto com as quais se pode compor uma palavra ou sigla do nosso idioma. Gire o sólido (clique/toque e arraste) e tente descobrir a palavra formada! O abecedário abaixo apresenta os formatos das letras que podem aparecer no sólido. Cuidado: as letras H e I possuem a mesma forma. O mesmo ocorre com as letras N e Z e as letras M e W. As letras devem ser colocadas na ordem correta (para isto, clique/toque nos pontos de interrogação) de forma a constituirem uma palavra do Dicionário Aurélio com três letras e sem acentos! Clique aqui para ver uma animação ensinando como usar o programa!


A B C D E F G H I J K L M N O P Q
R S T U V W X Y Z

Por favor, espere o navegador carregar a página. Caso isto já tenha acontecido e o applet abaixo não executou, isto significa que seu navegador parece não suportar WebGL ou esta opção não está habilitada.
Em caso de dúvidas, entre em contato conosco pelo e-mail: conteudosdigitais@im.uff.br.
 

?
?
?
 










 


Escolha o tipo de jogo: Apenas palavras  Palavras e siglas  Em Inglês  Em Espanhol  Em Francês


INFORMAÇÕES SUPLEMENTARES

BACH, ESCHER E GÖDEL

Este tipo de sólido foi idealizado por Douglas R. Hofstadter, para ilustrar a capa de seu livro Gödel, Escher, Bach: An Eternal Golden Braid. A Editora da Universidade Federal de Brasília publica uma tradução para o português deste livro.

Bach, Escher e Gödel


GENERALIZANDO A IDEIA: O RELÓGIO SOLAR DIGITAL

Existem objetos cujas projeções incluam mais do que 3 letras? A resposta é sim! De fato, existe um teorema da teoria dos fractais que garante o seguinte: se você escolher uma coleção de figuras planas (não necessariamente letras), existe um objeto cujas projeções incluem as figuras que você especificou (a menos de um conjunto de área zero).

Este teorema é o ponto de partida para a idealização de um relógio solar digital, isto é, um relógio que exibe as horas em números usando apenas sombras e a luz do sol. Tal como um relógio solar convencional, o dispositivo não contém peças móveis e ele não usa eletricidade. O visor digital muda a medida que o Sol se move no céu.

A ideia surgiu no fim dos anos 80 (com o matemático Kenneth Falconer) e, em 1991, foi divulgada por Ian Stewart na edição de agosto de 1991 da revista Scientific American. Poucos anos depois, em 1994, três alemães, Hans Scharstein, Daniel Scharstein e Werner Krotz-Vogel, patentearam os modelos ilustrados abaixo. A patente pode ser encontrada aqui. Uma versão portátil deste relógio solar digital está sendo comercializada pela empresa Digital Sundial.

Relógio solar digital     Relógio solar digital portátil

UMA ROLHA ESPECIAL

O objeto abaixo tem três buracos nas formas de um quadrado, de um círculo e de um triângulo. O diâmetro do círculo é igual a medida do lado do quadrado. O triângulo é isósceles, com base e altura com medidas iguais à medida do lado do quadrado. É possível construir um mesmo sólido tridimensional que tape estes três buracos, um de cada vez? Clique/toque na imagem a seguir para ver uma resposta!


Três buracos




Creative Commons License

Responsável: Humberto José Bortolossi.
Idealização e Programação: Humberto José Bortolossi.
Colaboração: Igor Doria, João Júlio Dias Bastos Queiroz, Jones Colombo, Jorge Joaquín Delgado Gómez, Jones Colombo, Oswaldo Coutinho e Tahyz Gomes Pinto.
Os Trip-Lets no formato VRML foram gerados pelo programa elaborado por Christ van Willigen.
Fotos: Wikipédia e Digital Sundial.
Versão em Espanhol: Fabio Ximeno.
Versão em Francês: Ronald Pierre Alain Pétin e Yves Jean Robert Gounot.

Trip-Lets em HTML5 Versão 05/03/2016
Atualizações desta atividade estarão disponíveis no endereço http://www.uff.br/cdme/html5/triplets/.
Endereço alternativo: http://www.cdme.im-uff.mat.br/html5/triplets/.

Este aplicativo interativo foi programado
com a versão educacional do ambiente de desenvolvimento integrado JavaScript WebStorm.
WebStorm

Dúvidas? Sugestões? Nós damos suporte! Contacte-nos pelo e-mail:
conteudosdigitais@im.uff.br.